Google+ Badge

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

(Eu e meus filhos)

Filhos

Os abracei como se fossem meus

Os compreendi como se faz consigo mesmo

Em todos os lugares os reconheci como sendo meu maior tesouro

Por eles fiz manhãs nascerem lindas

E calei mil tempestades

Cortejei a coragem e a humildade para que também assim fizessem

Fiz a realidade tão gostosa quanto a ficção

Então eles cresceram

Já alcançaram uma altura maior que a minha

E meus braços parecem ter espinhos

Pois nunca se demoram nos abraços

Talvez tenha acontecido mesmo isso

Talvez tenha perdido as minhas pétalas e deixado apenas espinhos crescerem

Pois os percebo singelos em outros abraços

O meu jeito de ver a vida já se subordina ao deles

As manhã agora são de solidões

Calmas solidões e tempestuosos entardeseres

Onde foi parar a minha coragem?

Esvaiu-se como um rio que morre longínquo e desnorteado

Todos precisamos de compreensão

A a vista um ciclo vicioso

Tão real, que somos até capazes de tocá-lo


Janaina Cruz


89 comentários:

  1. Belo texto!
    É mesmo Bênção,ñ é ñ?
    Beijo.
    isa.

    ResponderExcluir
  2. Ah, não se desespere por causa do fator tempo. Sim, as coisas se alteram. Mas não significa que o que já foi feito não permanece. Em minha opinião, você é uma mãe incrível. Influenciou bem os seus filhos e soube criá-los com caráter, compaixão pelos outros e com um quê de positivo único numa família. Todos me refletem isso. Parabéns! Você venceu.

    ResponderExcluir
  3. É assutador como les parecem ser auto-suficientes quando crescem... Minha filha sempre será pequena se mpre precisará de mim. Antes eu acordava para fazers eu café damanhã, hoje em dia é o contrário...rsrs. Filhos tornam a vida gente como posso dizer... fazer sentido eu acho. Enfrentar tudo por eles e ter orgulho quando fazem algo de prodigioso. Crescimento deles assusta...

    ResponderExcluir
  4. Lindo o Texto. Muito sentimento transcrito nos versos, gostei bastante, parabéns! Um dia espero ter os meus e ama-los da mesma forma.

    ResponderExcluir
  5. Que família bonita! que o Senhor Deus abençoe
    a todos, Janaina minha amiga, eu sei bem o que é isto, temos três filhas,uma casada as outras
    duas solteiras, uma mora em Angra dos Reis a outra no Flamengo, só nos vemos finais de semana...lembranças...Seu belo poema me trás
    boas recordações... A Paz para todos os seus.

    ResponderExcluir
  6. Seus filhótes são lindos e eles sempre precisarão de você. Podem crescer por fora, mas por dentro existe sempre algo pequenino a precisar de proteção. Beijos com carinho

    ResponderExcluir
  7. Adorei sua visita.
    Lindo seu espaço também.
    Certa vez escrevi que meus filhos são o endereço da minha alegria!

    Be:)os

    ResponderExcluir
  8. Querida Janaína,

    este texto emociona não só pela beleza, mas pela profundidade que ele me toca e a todos os leitores, certamente. Acho que até que vamos além na compreensão , porque procuramos compreende-los muito mais que a nós mesmas e com isso aprendemos a compreender melhor o mundo e as pessoas. O amor materno é sempre muito corajoso e magnânimo:

    "Por eles fiz manhãs nascerem lindas
    E calei mil tempestades
    Cortejei a coragem e a humildade para que também assim fizessem
    Fiz a realidade tão gostosa quanto a ficção"

    Mas eles crescem e de tão acostumada estamos a girar em volta dos nossos astros que esquecemos da nossa própria luz que é sempre fonte eterna para eles :

    “meus braços parecem ter espinhos
    Pois nunca se demoram nos abraços
    Talvez tenha acontecido mesmo isso
    Talvez tenha perdido as minhas pétalas e deixado apenas espinhos crescerem”

    A foto é linda demais. Uma das mais belas fotos que já vi. Parabéns e felicidades sempre! Que Deus abençoe você e esta família linda que você formou.

    Abraço terno e carinhoso beijo.

    ResponderExcluir
  9. Esses são tesouros que amamos, e Janaina meus parabens são lindos os meus já estão grandes, mas amo os meus filhos, beijos !!!

    ResponderExcluir
  10. Janaina seus filhos são lindos, lindo poema,
    nós os criamos pra vida, mais eles nunca deixam
    ser nossos bebes,e é aqui no conforto dos pais que eles se sentem protegidos.

    bjos.

    ResponderExcluir
  11. Emocionou-me ler este texto, é bastane intenso e desperta fortes sençações.
    Os filhos são os nossos tesouros, por eles estamos disposos a todos os sacrificios

    ResponderExcluir
  12. Jana não se já falei desse Blog onde reuni todos os poemas do Ulisses Reis, desde 2007, olha como ficou os teus aqui:

    http://ulissesreis.blogspot.com/2010/11/janaina.html


    http://ulissesreis.blogspot.com/2010/12/luz-da-cruz.html


    Boa noite!

    ResponderExcluir
  13. Olá Janaina!
    Me fartei de rir, de dizeres que estavas admirada de não veres as tuas fuças lá nos meus seguidores.
    E gostei muito deste teu poema, a beleza com que é escrito, e as sensações que transmite, parabéns.

    um beijinho,
    José.

    ResponderExcluir
  14. REALEMTNE EELES SÃO NOSSAS JOAIS RARAS. SÃO LINDOS..
    cOM ELES APRENDEMOS MUITO.

    oBRIGADA PELO SEU CARINHO.AMEI A SUA VISITA.
    SANDRA

    ResponderExcluir
  15. Que lindos seus filhos....nossa..... aliás uma bela familia vc tem amiga, parabéns..
    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. Lindos filhos!
    Parabéns pela familia!

    ResponderExcluir
  17. Lindo seu poema, os filhos são umas bençãos em nossas vidas, nos trazem muitas alegrias.
    Linda também é sua familia!
    Tenha um dia de muita Paz!

    http://fragmentosdminhalma.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. A família sempre é maravilhosa! Gostaríamos que os filhos fossem sempre pequenos, mas eles crescem e saem de nós. Voltamos à estaca zero, embora o grande amor ainda exista, apesar do tempo.
    Parabéns pela sua linda família!
    ... e você continua jovem! 

    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  19. Faz parte da vida, filhos são para o mundo,,,mas aos poucos os sentimentos se ajeitam,,,e tudo volta ao normal...beijos e beijos de bom dia.

    ResponderExcluir
  20. Lindo poema Janaina.

    Parabéns por esses filhos lindos, a família é a base de tudo nessa vida.

    Obrigada pela sua companhia.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  21. Irmã Janaina, muito obrigado por sua atenção,
    é um privilegio para mim te-la como amiga,
    Janaina, meu email é jfonseca.aguiar@yahoo.com.br se não lhe causar
    nenhuma dificuldade gostaria de ter seu email
    para que pudessemos nos comunicar, que o Senhor
    abençoe a todos os seus, muita Paz...

    ResponderExcluir
  22. Minha amiga Janaina, a postagem acima em nome
    de Carolina foi distração as palavras são minhas;
    Carolina é uma das minhas filhas... A Paz

    ResponderExcluir
  23. Coisa linda é esse proteção que filho dá a gente, né? Quando pensamos que protegemos as crias, lá vem eles e nos protege do amargo. Meu filho esse mês faz 14 anos, já um adolescente que me entende de uma forma inteira. Ontem mesmo olhei pra ele e disse: "Não sei como consegui viver 21 anos da minha vida sem você." Hoje, com 35 anos, me vejo totalmente amadurecida nesse amor tão amor. Ele é meu ponto fraco, a minha vida, o meu maior amor.

    Seus filhos são L-I-N-D-O-S!

    Beijo imenso, Janaina querida.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  24. Ola Janaína, obrigado não só pela sua visita mas por acabar me trazendo a ver seu blog. Seu texto é lindo e me emocionei ao ler. Como digo no meu post "O que vou ser quando crescer?" Eu já amava meus filhos antes de tê-los os desejava desde criança. Porem algo deu errado e hoje eles moram a poucos metros de mim porem não os vejo. Só que o amor não pode ser egoísta se o "menos pior" para a cabecinha deles é que eu não esteja presente é o que faço, pois o amor por eles é mais forte do que minha vontade de estar com eles a cada segundo. Complicado.

    Adorei seu blog. Trás muita paz e amor.

    Um abraço do Macaco. (seguindo)

    ResponderExcluir
  25. Quando as palavras rompem sentimentos e têm o perfume que os sentidos lhe dão, a vida fica mais colorida e as adversidades esperam no desalento que nos assalta.

    Muito obrigado por ter visitado o meu blog e por o seguir.

    Volte, sempre!

    Beijo, desde Lisboa, na margem do Atlântico onde a Europa se despede e o mar começa.

    ResponderExcluir
  26. Os filhos não são nossos... não temos direitos sobre eles, apenas deveres.
    Mas os seus filhos são lindos... saem à mãe.
    Beijos, querida amiga.

    ResponderExcluir
  27. Jana, seu texto é lindo e cheio de sentimentos! Seus filhos são lindos também! Nossa! Adorei conhecê-los! Mas não fique pensando que teus braços tem espinhos! Tempo, amiga, dê tempo a eles, o tempo e o amadurecimento os farão sentir a maciez das pétalas em seus braços! Mãe é sempre mãe, querida! Beijos e felicidades!

    ResponderExcluir
  28. Janaína,

    A foto junto ao espelho (ou montagem) mostra como a aura é importante em sua vida jovial. Parabéns por me transmitir as magias das tuas artes; tanto as junções fotográficas, como o aroma da tua literatura; todos bem lapidados com teus dedos ágeis.

    Um Grande Abraço!

    ResponderExcluir
  29. Jana, a vigília [à distância] da felicidade dos nossos filhos faz-se muitas vezes de "calmas solidões e tempestuosos entardeceres"... mas amar implica isso mesmo: deixar espaço aberto para que não tropecem em nós as asas dos que amamos...

    Terno beijo

    [grata pela visita e pelas palavras]

    ResponderExcluir
  30. Janaina,

    Que lindo texto , hino de amor ...
    Infinitamente belo isto :
    "Por eles fiz manhãs nascerem lindas"
    E calei mil tempestades"

    É a o Amor em sua amplitude , generoso.


    Adorei seu blog !


    Obrigada pelo carinho de suas palavras, me
    fez feliz. :)



    BjO Grande e uma Tarde Serena.

    PS:
    Sua família é muito bonita ,
    parabéns !

    ResponderExcluir
  31. linda família!
    deixei um desafio pra vc lá no mais cores :D

    ResponderExcluir
  32. Ei Janaína... gostei da coincidência nos blogs! Minha esferográfica está a seu dispôr quando quiser ilustrar suas palavras!
    um beijo...

    ResponderExcluir
  33. Coragem. Também preciso encontrar a minha.

    Seus poemas são sinceros e, por isso, muito bonitos.

    ResponderExcluir
  34. Janaina.....parec eu, minhanossasenhora...
    O abraço nunca mais parece ser redondo.
    Eu me pergunto...e agora? Como faço pra viver outra vida que nào seja para eles, com eles e por eles?

    Apdrei o blog, as fotos, a disposição elegante de tudo, as histórias, sua vida... parabéns

    ResponderExcluir
  35. Nossa, mas que familia bonita!

    tá aí o segredo da tua inspiração. hehe

    Beeijos.

    ResponderExcluir
  36. Saudações Janaina,
    grata pela sua visita
    olha que gostei desta sua 'esferografia'
    um barato a variação de preto cinza branco
    os negativos de fotos filmes
    as fotos, muito bacanas
    vocês e seus filhos, uma graça
    muito bonito seu poema
    fico sentindo que ser mãe é uma entrega
    e a coragem, penso que encontramos em cada amanhecer, ao abrir os olhos para mais um dia
    e saber que estamos vivos para os enfrentamentos
    beijo e tudo de bom

    ResponderExcluir
  37. Não entrei num blog...entrei numa
    linda família...todos lindos.Gostei
    de entrar aqui...pois tudo me parece
    familiar...e respiro um ar amplo de
    liberdade...onde posso até fazer voar
    a minha imaginação...partindo de tuas
    belas poesias que sempre admiro e admirarei.
    Tua esfero...grafia...está muito bonita.
    Desejo que sempre possa aqui deixar as
    tuas pegadas deste lindo tempo de poesia
    e arte,já que você mostra também uma
    tendência à pintura e aos desenhos,que
    como sempre expressarão tua impecável
    imaginação...Estou feliz por você ter este
    teu blog onde realizará teus trabalhos...
    Parabém amiga...adorei...Também se eu não
    adorasse iria ser bem estranho não, rsrss.
    Chau linda amiga poetisa e artista plástica.
    Uiiiiii...fiquei contente...viu? Beijos.

    ResponderExcluir
  38. Parabéns querida!!!!
    Bom fds!!
    bjuuuuuuuuuuuu

    ResponderExcluir
  39. Sempre que vejo um comentário seu, meu sorriso abre.

    Beijo bem grandão, Janaina linda.

    Rebeca

    -

    ResponderExcluir
  40. Olá Janaina!!!
    Bom final de semana pra vc viu!!
    Bj!

    ResponderExcluir
  41. *
    os teus príncipes são lindos !
    parabens
    ,
    Um filho é como um ramo despontado
    do tronco já maduro que sou eu
    um filho é como um pássaro deitado
    no ninho da mulher que me escolheu
    Um filho é ver-se um homem prolongado
    no mundo da verdade em que nasceu
    um filho é ver-se um homem atirado
    das raízes da terra para o céu
    Meu filho minha vida
    és meu sangue e meu carinho
    meu pássaro de carne meu amor .
    ,
    In-ary dos santos,
    ,
    Conchinhas,
    ,
    *

    ResponderExcluir
  42. Esse é o primeiro blog que me traz uma atmosfera verdadeiramente familiar e aconchegante. É gostoso estar aqui como deve ser gostoso compartilhar o teu universo e o dos teus. Parabéns! Além do que o conteúdo é muito bem escrito.

    Obrigada por visitar o onzepalavras, e por me receber tão bem no seu espaço.

    Ana

    ResponderExcluir
  43. Filhos são sementes,
    e árvores, e troncos,
    e folhas,são montanhas
    imensas na indelével
    maneira de preencher o coração
    de quem os tem.


    Beijo, obrigado pela visita.

    ResponderExcluir
  44. Olá Janaina!!!
    Agora sim já vejo lá duas meninas bonitas, nos meus seguidores.

    Que tenhas um bom domingo,
    com um beijinho,
    José.

    ResponderExcluir
  45. Transbordando amor, este seu texto!

    Bjs dos Alpes

    ResponderExcluir
  46. Filhos...sabemos que os educamos para o mundo, mas como não amá-los e não querer sempre abraçá-los de maneira apertada e protetora, mesmo quando ao crescerem, tornam-se mais ausentes?
    Fato é, que Coração de Mãe e Pai, não importa a idade deles, estará sempre Presente...

    Agradeço muito sua visita, Janaina e quem Te segue agora, também sou Eu.

    Beijos mil!!!

    ResponderExcluir
  47. Janaina
    Bom Dia!!!
    Sentimentos que, em cada fase de seus filhos, será natural pensar que suas pétalas se foram,mas não pense que tens espinhos em que seus abraços não são tão gostosos. Chegará o momento muito lindo onde as inversões te mostrarão um amor tão sublime que parecerá não caber em seu coração.

    Hoje fazem exatamente 14 meses que meu único filho foi morar sozinho e seguir sua própria vida assim como o fizemos um dia.

    A dor de sua ausência misturada a sua felicidade me levavam aos prantos, mas hoje mesmo sentindo sua falta o meu coração se acalmou e vivo cada dia na esperança de que apareça para passar um final de semana comigo.

    Obrigado por me visitar e desculpe se fiz deste comentário um testamento.

    Fiz uma poesia falando sobre esse Sublime amor e um dia vou postá-la e te aviso.

    Beijos e uma linda semana

    ResponderExcluir
  48. Uma semana toda linda pra ti querida...beijos.

    ResponderExcluir
  49. Todo esse amor, a união da família, esses laços inquebráveis brotam nas suas palavras!
    É delicioso ler, as emoções transportam-nos para outro mundo!

    Parabéns!
    Beijinho

    ResponderExcluir
  50. Olá, Janaína. O seu blog está maravilhoso, de muito bom gosto, com poemas lindos. Parabéns. Obrigada pela visita ao meu blog. Volte sempre.Por aqui virei mais vezes, com certeza. Beijinhos.

    ResponderExcluir
  51. Belíssima foto, assim como o blog que é repleto de amor!

    ResponderExcluir
  52. Menina, né que tu comentou lá no blog e eu amei esse teu aqui?
    Obrigada,
    bjo

    ResponderExcluir
  53. Oiê!

    Vim retribuir a visita, mas fala sério, nesta foto não da para saber quem é a mãe... Parabéns!
    Seu blog é um encanto,
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  54. Obrigada pela visita, fico contente em conhecer quem escreve tão bem assim... este poema me toca porque os meus filhos estão com as asas grandes demais, qualquer dia deixam o ninho...
    Beijo

    ResponderExcluir
  55. Olha o Mili aqui xD rs... dando uma passadinha no seu blog jana, estou aqui ponto seu cantinho abaixo rsrs... Está cada vez mais lindo, meus parabéns, agora sei de onde vem toda essa inspiração... tens ujma linda familia e um companheiro muy especial... Meu prazer em ler-te sempre, te adorooooooo!

    ResponderExcluir
  56. Estava pensando aqui na passagem do tempo e nas novas configurações dos relacionamentos. O tempo é impiedoso e nem quando dormimos pára. Mas seremos pais ou mães de nossos filhos para sempre. A quantidade de beijos e de abraços talvez mude. Mas o amor nunca vai diminuir. Precisamos é adequar a maneira de demonstrar o amor... para perceber que até nas horas em que parecem ficar mais arredios, eles serão sempre nossos filhos. E que não podemos definitivamente continuar a vida sem eles. Não se aflija. Teus abraços não tem espinhos. É que tem fases na vida dos filhos que dizer a coisa certa que eles precisam ouvir, vale muito mais que todos abraços juntos e seu significado!

    ResponderExcluir
  57. E eu, amei o teu!!

    Lindo Amor.. Abraço sincero de afeto e calor.
    Seguindo-te!

    Tenho outros:
    www.mundobrasileirissima.blogspot.com

    Aqui acharás os outros... beijão!

    ResponderExcluir
  58. Obrigado pela visita aos Quartos Escuros. E parabéns por um blogue tão bonito e sincero. Um beijo do outro lado do mar...

    ResponderExcluir
  59. Jana (já posso te chamar assim?). Fico tão feliz quando alguém pára no meu blog e fica. A felicidade não é menor quando encontro um blog tão bem feito, de palavras e sentimentos tão bem construídos. Também quero ser sócio cativo.

    Quanto aos filhos, falarei apenas o que me cabe: eles são lindos! Quanto ao que não me compete, é a experiência de tê-los, pois não os terei. A vida assim quis e meus espinhos não estarão nos braços, mas em qualquer outro lugar que o tempo escolher.

    Eu voltarei.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  60. oi Jana

    obrigado pelo carinho lá ..vou seguir-te tanbem

    adorei estar aqui..
    mulher menina
    **
    teu corpo cobiçado
    que maior riqueza
    ser mâe. ter filhos dado
    flor .rainha. Diosa
    **
    beijos fraternos!!

    ResponderExcluir
  61. Olá Janaina

    Obrigada pela sua vizita ao meu blog, e pelas suas simpaticas palavras.

    Também gostei muito do seu blog, as suas bonitas e sensiveis palavras tocam-nos.

    Beijinho

    ResponderExcluir
  62. Olá Janaina
    Obrigado pela visita ao meu blog, e pelo comentário. Quando puder volte, vou gostar muito.
    Te sigo
    Bjux

    ResponderExcluir
  63. Maravilhosa e Brilhante Amiga:
    Que "coisa" mais deliciosa e terna escreveu com beleza e encanto.
    "...Em todos os lugares os reconheci como sendo meu maior tesouro
    Por eles fiz manhãs nascerem lindas
    E calei mil tempestades
    Cortejei a coragem e a humildade para que também assim fizessem
    Fiz a realidade tão gostosa quanto a ficção
    Então eles cresceram
    Já alcançaram uma altura maior que a minha...".

    Que "coisa" linda. Perfeita que me comove e sensibiliza.
    Parabéns gigantes.
    Adorei.
    É fabulosa, entende?
    Fiquei mudo de pasmo e admiração.
    A sua ternura é imensa. Chega ao céu azul repleto de estrelas.
    Abraço amigo de respeito.
    É uma honra tê-la como amiga.
    Sempre a admirá-la

    pena

    Excelente!
    MUITO OBRIGADO pela amabilidade deixada no meu blogue que gostei imenso.
    Fico-lhe grato.
    Parabéns, de novo.
    É maravilhosa e doce.

    ResponderExcluir
  64. Que lindooo!! Não sei qual é mais bonito, a foto ou o texto! Amei! Tô seguindo tb! E seja bem vinda ao Crises e Surtos! Venha sempre que puder!!! Beijosss!!!!

    ResponderExcluir
  65. ah, os filhos...
    remexemos o lixo à procura da dita felicidade e quantas são as vezes que não somos capazes de a tocar ali tão pertinho de nós?...
    um abraço!

    ResponderExcluir
  66. Lindo texto!
    Obrigada pela visita, já estou te seguindo! :)

    ResponderExcluir
  67. Que texto lindo!!
    Que filhos abençoados e maravilhosos!
    Que lindo blog!!
    Maravilhoso estar aqui minha amiga
    Beijo carinhoso
    Bea

    ResponderExcluir
  68. Vim dar uma olhada em seus poemas!
    Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  69. Quando ampliamos nossos sentidos percebemos que além de espinhos a roseira ostenta rosas.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  70. Linda,sua família,Jana!

    Lindô,o teu ser!

    Bzu mãos suas,PESSOA

    VIVER É PURA MAGIA

    VIVA LA VIDA

    ResponderExcluir
  71. Olá!
    "Ter filhos, é ter problemas!" - Palavras do ator Paulo Autran.
    Como não os tenho, nem assim deixo de ter problemas, por eu ter sobrinhos. Sofro quase do memso jeito! - Mas respeito quem tem, dai passo admirá-los!
    Parabéns por ter filhos lindos.

    Obrigada pela visita, também me hospedo aqui, rs.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  72. Boa noite menina
    Agradeço a visita ao lidacoelho e deste modo passo também a seguir-te.
    Escrevo como sei e sinto sem me prender a regras.
    Escrevo o que sou, vivo e sinto em cada dia e com as cores que me são naturais.

    ResponderExcluir
  73. Lindo texto, lindos filhos, parabéns, obrigado pela visita e comentário, estou te seguindo.

    ResponderExcluir
  74. Parabens pela linda familia..
    Filhos..a benção maior que podemos ter.
    Bjs

    ResponderExcluir
  75. Seus filhos são lindos.
    Parecem muito com você, as feições identicas.
    Obrigada pela visita em meu blog.
    Beijos

    ResponderExcluir
  76. nossa! que maravilha de texto.
    seus pequenos são lindos.
    obg pela visita...
    adorei tudo por aqui............

    ResponderExcluir
  77. Janaína, vim conhecer seu blog e já me apaixonei! Ver esta homenagem a sua família é muito lindo! Parabéns pelo blog, pela família, pelo amor e união que há entre vcs! Sigo-te feliz! Bom domingo. Bjks

    ResponderExcluir
  78. Família, o aconchego, o amor a complemetar nossas vidas!!!
    Lindíssima família a sua Janaína.
    Abraços

    ResponderExcluir
  79. Janaína,

    Quando nascemos dependemos full time de nossas mães, é preciso ir nos afastando aos poucos, quando damos os primeiros passos, voltamos ansiosos a trazer algo do mundo que descobrimos, corremos a frente, descobrimos que somos um SER separado é isso é bom e fonte de saúde.Creio que fez um bom trabalho e logo terás outros a fazer ao entrarem na vida adulta. A função materna e para toda vida.

    LINDA postagem.
    Sou filha adotiva. Perdi minha mãe há 10 anos e ainda sinto saudades.

    Beijos,

    ResponderExcluir
  80. O poema mais bonito que li no seu blog não foram teus textos, que são lindos, foram seus filhos ,voce e seu esposo. Todos lindos e felizes ! Este é o maior poema que alguém pode sonhar e construir. Reescreva este poema todos os dias de tua vida. Parabéns e muito obrigado por estar seguindo meu blog.Leyr

    ResponderExcluir
  81. ola lindonaaaaaaa q lindo tudo aqui, seu blog é lindo, q familia nussaaaaa maravilhosaaaaaaa, parabéns, seu poema me fez chorar e pensar no quanto nos doamos, mudamos somos fortes, renascemos, e crescemos pelos nossos filhos. ja te sigo, ótimo final de semana, Deus cuide de todos os seus.bjinhosss carinhosos.

    ResponderExcluir
  82. janaina, pense uma coisa. Quando fui morar em SP meus pais levaram um baita susto. Pq fui a pioneira a sair das assas protectoras deles. Mas foi exactamente ai que pude perceber o quanto eles estavam muito mais presentes na minha vida, mesmo eu morando tão longe deles.
    E pq estou contado isso, pq quero que vc saiba que mesmo que nós filhos andemos com as próprias pernas ninguém supera a presença, o carinho dos nossos pais.

    Entenda que seus filhos estão só crescendo e precisam deste tempo, tá bom ?

    Adorei te ler aqui, passei bons momentos por aqui.

    Parabéns pelo blog, ele é simplesmente maravilhoso!!

    Beijo e obrigada pela visita e que bom vc está entre meus queridos amigos!

    flor de cristal{LB} .

    ResponderExcluir
  83. Homenagem são sempre lindas!Obrigada por deixar seu rastro,to no se.
    Lindo teu blog,o texto.Linda vc e sua familia.
    A cada dia fico mais contente por ter a oportunidade de conhecer pessoas tão bacanas na blogosfera.
    Beijão,e um otimo fds p vc e os seus.

    ResponderExcluir
  84. Janaína,

    Homenagem aos filhos são sempre lindas.

    Mãe é o ser que tem o amor mais parecido com o amor divino. Sua família é linda.

    Um beijo de luz no seu coração e no coração de sua família.

    Desejo um feliz natal e um ano novo cheio de muito amor, paz, esperança e muitas realizações.

    Fica com Deus.

    Abraços. Sigo-te também.

    ResponderExcluir
  85. Minha amiga, obgº pela visita e dou-lhe os meus parabens por este seu " descrever " sobre os seua filhos .

    Os filhos não " nos " fogem ..., só que teem outras asas e por isso voam para outros sítios...
    mas , nunca por nunca deixam de a cada passo passar pelo " ninho " rsrsrsr.

    Gostei deste seu blog. Bj

    ResponderExcluir
  86. Olá Jana!
    Bela familia!
    Adorei vir aqui.

    bjs de luz
    .
    LizZa

    ResponderExcluir
  87. Jana

    que família linda e abençoada. Deus abençoe vcs

    bjokas =)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...